DESISTIR

Postado por Janaina Jarski em 12/04/2017 18:15:02

O que é desistir de algo ou alguém?

DESISTIRé perceber que você não tem mais forças ou até mesmo desinteresse em investir seu tempo a algo ou alguém. É perceber que há algo além de estar tentando, lutando, fazendo dar certo. Dar certo o que? Algo que apenas você acredita? Algo que apenas você busca?

Essa busca muitas vezes se torna cansativa, pois você precisa fazer um trabalho dobrado quando na verdade esse trabalho ou investimento deveria ser em conjunto. Quando o outro não faz a mínima questão de estar próximo, fazer dar certo etc, por que insistir? É hora de renovar as forças, pois você andou carregando algo a mais do que poderia carregar.

DESISTIR é uma forma de se renovar, ter consciência que aquilo não faz mais sentido, de que adianta ficar dando muros em ponta de faca, isso é uma completa idiotice. Se você já sabe do rumo que aquilo vai tomar? Não adianta, se ambos não forem maduros o suficiente para compreenderem que tudo aquilo não faz bem, um circulo vicioso se instaura e logo estará na mesma situação. É como casais que brigam e fazem as pazes, é um termina e volta, um pega e larga, que nem eles tem a noção do quanto é ridículo para eles quanto para quem os conhecem. Não adianta, não evolui, não seguem em frente, ou se resolvem de uma vez ou se afastam de uma vez cada um seguindo seu caminho.

DESISTIR quer dizer também cansei, não há por que insistir em algo que só existe a esperança nada mais. A esperança na questão religiosa funciona muito bem pois é regada de fé, amor etc., mas no caso relacionamentos é uma via de mão dupla, enquanto você está lá na sua tentando se libertar da pessoa, não quer nem ter mais noticias, se está vivo(a), mas percebe que surge um resquício de esperança da outra parte, ou seja, todo aquele trabalho que você estava travando (as vezes com você mesma) cai por terra e adivinhe?! Volta o ciclo vicioso.

DESISTIR requer coragem, é perceber que não aceita mais aquela situação doentia (da sua parte e da outra pessoa) de receber migalhas de afetos, pessoas pela metade, cheia de desculpas mas que no fundo não tem um mínimo de consideração com você. DESISTA!  Há muitas pessoas inteiras no mundo afora (mais ou menos 6,1 bilhões de pessoas vivem na terra) buscando algo que também você procura.

Você vai sofrer isso é fato não sei quanto tempo, pois cada pessoa tem o seu tempo, mas quando você recobra a sua DIGNIDADE não há preço, a paz é libertadora. Essa paz vem com o tempo juntamente com o DESAPEGO.

Entenda o DESAPEGO, você não pertence a ninguém e ninguém a você. Ponto! Tudo que você possui hoje seja material, pessoas, até familiares é ilusão, pois somos seres inconstantes, hoje estamos aqui, amanhã não estamos mais. Tudo flui, tudo se acaba, tudo tem um fim.

E por isso é preciso saber recomeçar quantas vezes forem necessárias, pois estamos nesse mundo apenas como espectadores de passagem e quando o filme acabar teremos que sair do cinema.

JANAINA JARSKI

11/04/2017

 

MARCADORES:

desapego amor-proprio paz de espirito desistir relacionamentos tóxicos acabar terminar seguir