redacao @ hierophant.com.br quarta, 22 de outubro de 2014

"A História do Jogo de Damas"


A história do jogo de damas nos leva a uma viagem de 4.000 anos !!
O tabuleiro primitivo, com captura já existe há 40 séculos !!
O povo na África movia pedras ou conchas em linhas desenhadas na areia.
Assim como fazemos hoje, eles capturavam as peças pulando sobre a peça adversária.
Esse jogo ainda não era o Jogo de Damas. As peças moviam-se para qualquer lado e não havia promoção à Dama.
O Jogo de Damas nasceu entre 2000 e 1500 AC, quando  os africanos criaram a promoção (Dama).
Os Faraós do Egito jogaram este jogo por volta de 3.500 anos atrás.
De acordo com o filósofo Platão, a Grécia emprestou os jogos de tabuleiros do Egito. Junto com estes jogos, estava o Jogo de Damas.
Não se sabe em que época o Jogo de Damas chegou à Atenas, mas os gregos o jogaram no século V AC, sob o nome de: “Jogo das cinco linhas”.
O Jogo de Damas foi tão comum e popular, que passou a fazer parte de provérbios.
Caso alguém tivesse que abandonar uma posição favorável, os gregos diziam: “ele deve abandonar a linha sagrada”.
Esta linha sagrada era a linha central, horizontal do tabuleiro de Damas.  (Hoje, grande diagonal.)
A antiga Roma jogava Damas?
Sim !
O primeiro jogador de damas, cujo nome é Publius Mucius Scaevola, viveu no século II AC.
No século VI DC ou um pouco antes, o nome Latino para o Jogo mudou para Jogo com Peças e havia um segundo jogo de tabuleiro com o mesmo nome: trilha, o que prova que o Jogo de Damas e a Trilha eram jogados juntos frequentemente.
Este nome latino “jogo com peças” foi emprestado das tribos árabes.
Antes do século VIII DC, um jogador de damas árabe pensou em uma nova regra de promoção: a Dama ganharia uma grande liberdade de movimento.
A dama longa havia nascido.
No século VIII DC os Mouros, povo árabe, conquistaram a Espanha. O Jogo de Damas deles, mais vivo e rápido que o Jogo Roma
o com a Dama curta – conforme provado pela simulação feita em computador – conquistou o território também.
O primeiro livro de damas foi publicado na Espanha, em 1547, por Anton Torquemada.
Na França, entre os anos 1000 e 1500, talvez antes, o jogo de damas era muito popular. Havia dúzias de expressões baseadas no jogo.
Esta popularidade foi responsável pela inovação, feita no século XIV: jogadores de damas franceses começaram a jogar damas em tabuleiros de xadrez !!
E aí o jogo de damas no tabuleiro de xadrez recebeu seu próprio nome: no francês “jeu de dames”, com o significado de “jogo de dams (diques)”.
A primeira inovação foi a tomada para trás de uma peça não promovida e a segunda inovação foi a introdução do tabuleiro de 100 casas.
O jogo renovado recebeu o nome peculiar de: Damas Polonesas. Em holandês a palavra “Polish” significa estranho, esquisito.
Um século mais tarde, entre 1670 e 1690, a variedade chegou na França.
Este nome estranho inspirou o jogador parisiense Manoury, autor de dois livros de damas (1770 e 1787) a uma romântica lenda acerca do nascimento da Damas Polonesas.
Este tipo de lenda sempre nacionaliza a invenção. Desta forma Manoury contava aos seus leitores que a Damas polonesas havia sido inventada em Paris por volta de 1725 e com um oficial francês envolvido.
O segundo personagem importante, da Polônia, contribuiu tanto, que o oficial, magnanimamente, propôs que o novo jogo tivesse o nome de Damas Polonesas.
O Jogo de Damas, na França medieval foi extraordinariamente popular e foi também durante os séculos XVI e XVII.
Era o jogo de tabuleiro preferido na França. Nos cafés franceses do século XVIII, Xadrez, Gamão e Damas tinham a mesma popularidade.
É notável, no entanto, que não menos que Philidor, admirado pelo seu dom como compositor de músicas, jogador às cegas de Xadrez e autor de um lindo livro de Xadrez, reclamava da influência do Jogo de Damas no Xadrez.
Assim como seus compatriotas artísticos e intelectuais, Philidor jogava Damas também e até mesmo criou problemas em Damas. Como uma criança do seu tempo, Philidor não era capaz de resistir ao espírito de sua época, o ano de  1740. Ele quebrou a estratégia comum de atacar com as peças principais descuidando dos peões. Ao contrário, enfatizava a estratégia dando valor ao peão, influência que ele trouxe do jogo de damas.


Artigos semelhantes TODOS POSTS
Praesent lectus orci

O mistério da consciência photo

As emoções regem o espectáculo da sua vida pessoal, profissional e até mesmo da sua vida espiritual. As pesquisas têm mostrado que mais do que [...]
Comentários